O que você está procurando?

Todos os anúncios

Total de Ofertas

65

PROJETO DA ADUTORA DO POÇO DO MAGRO AVANÇA

Local

Sábado, 07 de Abril de 2018

O prefeito Jairo Magalhães reuniu na manhã desta sexta-feira (6) no seu gabinete, na sede da Prefeitura Municipal de Guanambi, um grupo de lideranças e o engenheiro Carlos Roberto da empresa EMPLAC, para o ato de entrega ao município do Projeto Executivo da Adutora do Poço do Magro, que prevê levar água da barragem para mais de 620 famílias do baixio.



Para o prefeito Jairo Magalhães o município está diante de um grande projeto e de um grande desafio que é conseguir os recursos para concretizá-lo, mas que a segurança de um estudo  bem feito, a sua importância social e a força política de Guanambi, dão a certeza de que em breve se transformará em realidade. "Nossa luta é para dar aos produtores dessa região que compreende 12 comunidades, mais de 600 famílias, o acesso à água para uma vida melhor", disse o gestor.




Presentes ao ato, a Deputada Ivana Bastos os ex-prefeito Charles Fernandes, técnicos da Emplac, o agricultor Oscar Araújo (um dos mentores do projeto), o Secretário Municipal de Agricultura Lelé, outros secretários, o vereador Zaqueu Rodrigues representando a Câmara Municipal, demais vereadores e outras lideranças.




O projeto




O engenheiro Carlos Roberto falou inicialmente apresentando as especificações técnicas do projeto e enaltecendo a sua importância para prover o acesso á água nas propriedades rurais e promover o incremento da agricultura familiar. Carlos explicou que adutora se comporá de três conjuntos de bombas submersas de capitação que irão aduzir a água para um conjunto de caixas instaladas no alto do Morro Pelado, e de lá será distribuída para uma malha de tubulação com 45 quilômetros de extensão, espalhada por 12 comunidades. Cada consumidor receberá mil litros de água por hora e poderá irrigar até meia hectare, totalizando 310 hectares; todo projeto consumirá apenas 3 milhões de metros cúbicos de água por ano, o que representa apenas 7% do volume acumulado  na barragem do Poço do Magro. O projeto executivo custou aos cofres municipais R$125.296,70 e o valor previsto para execução das obras físicas é R$13.724.664,19.




O agricultor Oscar Araújo fez um histórico do projeto que começou a ser pensado no ano de 2007, destacando a participação  e os esforços da deputada Ivana Bastos desde e a dedicação do prefeito Jairo para a realização do projeto. O ex-prefeito Charles ressaltou a viabilidade e o alcance social do projeto, proporcionando capacidade de produção e renda para centenas de pais e mães de famílias. A Deputada Ivana Bastos falou da sua intimidade com esse projeto que acompanha desde o primeiro momento e de sua disposição para ir em busca dos recursos para viabilizá-lo.



 





Últimas Notícias

Edições Anteriores

AGOSTO-2018

O POPULAR

Rua Aloisio Azevedo, n°260 - Bairro Villa Nova
(77) 3451-5116