O que você está procurando?

Todos os anúncios

Total de Ofertas

39

STF PODE DERROTAR A LAVA JATO NESTA QUINTA-FEIRA

Destaque

Quinta-Feira, 14 de Março de 2019

Casos de crime de corrupção e caixa 2 poderão ser repassados para a Justiça Eleitoral


Nesta quinta-feira (15) os ministros do STF voltam a discutir uma ação que pode significar a derrota da Operação Lava Jato ao deixar que Justiça Eleitoral seja responsável pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.


O julgamento começou na quarta, os ministros Marco Aurélio Mello e Alexandre de Moraes votaram para que esses casos sejam passados para a Justiça Eleitoral. Já o ministro Edson Fachin, relator na Lava Jato no STF, defendeu que os processos devem ser divididos, deixando para a Justiça Federal os crimes de corrupção.


Se no julgamento de hoje ficar decidido que a Justiça Eleitoral é responsável por ambos os casos, os condenados e processados pela Justiça Federal, entre eles o ex-presidente Lula, poderão pedir revisões de suas sentenças.


“Essa data pode decidir o passado, o presente e o futuro não apenas da Lava Jato, mas de todas as investigações de corrupção que envolvam o nome de políticos”, diz o procurador Deltan Dallagnol ao comentar o julgamento.


Se seis ministros votarem pelo repasse dos casos para a Justiça Eleitoral, não apenas o caso de Lula, mas de políticos como Michel Temer, Dilma Rousseff, Aécio Neves, José Serra, Eduardo Paes e outros que estão sendo investigados pela Justiça Federal.


AGÊNCIA ESTADO


Últimas Notícias

Edições Anteriores

AGOSTO-2019

O POPULAR

Rua Aloisio Azevedo, n°260 - Bairro Villa Nova
(77) 3451-5116