O que você está procurando?

Todos os anúncios

Total de Ofertas

41

ASSINATURA DE ACORDO PARA FIOL E DO PORTO FAZ CRESCER A ESPERANÇA, AFIRMA A DEPUTADA IVANA BASTOS

Política

Quarta-Feira, 06 de Setembro de 2017

O resultado das ações do governador Rui Costa durante mais uma importante missão internacional na China, resgatou a confiança e fez crescer a esperança da concretização das obras da Ferrovia Engenheiro Vasco Azevedo Neto (antiga Fiol) e do Porto Sul”, afirma a deputada Ivana Bastos após o governador anunciar a assinatura, nesta sexta-feira (01), em Pequim, do memorando de entendimento com cinco empresas chinesas e a Bahia Mineração (Bamin) para financiamento do projeto do Porto Sul, que será implantado no município de Ilhéus.

Também integram o acordo ações que visam a execução da ferrovia e a exploração de uma mina de minério de ferro localizada no sudoeste da Bahia. O documento estabelece que o Governo do Estado, as empresas chinesas e o Eurasian Resources Group, acionista da Bahia Mineração, cooperarão para o desenvolvimento totalmente integrado do projeto do Porto Sul, da Fiol e da mina Pedra de Ferro.

Ainda de acordo com o documento, a participação em grupo de investimento para financiar o desenvolvimento dos projetos será liderada pelo consórcio chinês formado pelas seguintes empresas: China Railway Group Limited; China Communications Construction Company Ltd; Minmetals Development Co. Ltd; Shougang Fushan Resources Group Limited; e Dalian Huarui Heavy Industry Group Co. Ltd.

Como presidente da comissão especial que trata dos assuntos da ferrovia e do porto na Assembleia Legislativa da Bahia, a deputada observa que há uma grande novidade no documento assinado: " o Memorando traz prazos concretos para as ações de acertamento entre todos os atores ocorrerem". Por isso já está assegurado que jo secretário da Casa Civil, Bruno Dauster, vira apresentar à Casa legislativa e a população todos os detalhes do acordo, com datas e prazos. “O governador informou que até o final do ano que vem teremos um leilão da ferrovia e o início das obras do porto, mas precisamos saber cada passo para ajudar a solucionar os problemas, por isso convidamos Bruno Dauster para nos munir de informações”, considerou a parlamentar.

A deputada lembrou ainda do papel que a comissão tem tido ao longo dos últimos anos. “Nossas caravanas, nossas reuniões em Brasília estão sendo fundamentais para o andamento das atividades. Colocamos vários órgãos na mesma mesa para dialogarmos e resolvermos os problemas ali mesmo, sem esperar passar por um setor ou por outro. Essas reuniões são fundamentais para quebrar os entraves e dar andamento aos trabalhos”, explicou Ivana Bastos.

Porto Sul e Fiol

Com investimento de R$ 2,7 bilhões, o Porto Sul será construído no Litoral Norte de Ilhéus, na região de Aritaguá. O empreendimento já tem todas as licenças necessárias para o início da obra, como as licenças prévia e de instalação, além da autorização para supressão de vegetação, emitidas pelo Ibama.

No Porto Sul serão embarcados o minério de ferro explorado no sudoeste baiano, além de grãos do oeste do estado que chegarão ao Porto pela Fiol. A ferrovia está em construção e terá extensão de 1.527 quilômetros, sendo 1.100 quilômetros na Bahia, com trecho de Ilhéus a Figueirópolis, no Tocantins.


Texto: Camila Queirós - Ass. Imprensa Deputada


Últimas Notícias

Edições Anteriores

OUTUBRO-2019

O POPULAR

Rua Aloisio Azevedo, n°260 - Bairro Villa Nova
(77) 3451-5116