O que você está procurando?

Todos os anúncios

Total de Ofertas

44

MESMO COM AMEAÇA DO CORONAVÍRUS, ALGUMAS IGREJAS EM GUANAMBI MANTÊM CULTOS

Local

Sábado, 21 de Março de 2020

Mesmo com o Decreto Municipal assinado pelo prefeito Jairo Magalhães na última sexta-feira, o qual recomenda a imediata suspenção de realização de cultos, missas e outros  encontros religiosos com mais de 20 pessoas, várias igrejas em Guanambi continuam funcionando com cultos normais, mesmo com a ameaça da pandemia da Covid-19. Os fiéis seguem as orientações de pastores e bispos que, além de garantirem que tudo deve seguir funcionando e classificam o coronavírus como uma ação do “inimigo”.  A reportagem do POPULAR percorreu na noite desta sexta-feira (20), as principais ruas da cidade e presenciou algumas igrejas abertas e funcionando normalmente.  Para as autoridade, templos podem ficar abertos, o que não pode é a aglomeração pessoas, o que pode disseminar o coronavírus.   Algumas igrejas, como a Batista Filadélfia, Congregação, Adventista, Sião e Assembleia de Deus cancelaram os cultos presenciais, mas recomenda aos fiéis que assistam aos cultos online, entretanto, permanecem de portas abertas e estão de plantão para orações e assistência pastoral.  Mesmo com as portas abertas elas afirmam que estão tomando as preocauções divulgadas pelas autoridades de saúde.  “Antes de entrar no culto, é oferecido ao visitante álcool em gel ou água e sabão para lavar as mãos; dentro dos templos, as pessoas são orientadas a se sentarem distantes umas das outras, mantendo pelo menos uma ou duas cadeiras vazias entre si; serão evitadas orações com imposição de mãos; também recomendamos que as pessoas idosas com saúde fragilizada permaneçam em casa”, afirmou um dirigente de uma Congregação.


NA REGIÃO:


A Diocese de Bom Jesus da Lapa suspendeu temporariamente a realização de missas, batizados, casamentos, novenas e outros atos litúrgicos em toda área diocesana.  Segundo o Bispo Dom João Cardoso "O momento é de recolher e ficar em casa com a família".  


 


JORGE JORNAIS- O POPULAR


Últimas Notícias

Edições Anteriores

SETEMBRO- 2020

O POPULAR