O que você está procurando?

Todos os anúncios

Total de Ofertas

37

SITE DIZ QUE ACM NETO PODE MIGRAR PARA O PMDB

Política

Quinta-Feira, 30 de Outubro de 2014

Estrela do DEM, o prefeito de Salvador, ACM Neto, cogita, de acordo com fontes do Bahia Notícias que circulam em Brasília, uma virtual migração para o PMDB. O objetivo seria manter uma característica intrínseca do DNA herdado do ex-senador Antônio Carlos Magalhães: ficar próximo ao governo federal. As conversas, que aconteceriam com o PMDB na esfera federal, não necessariamente passam pela anuência do atual dirigente peemedebista da Bahia, Geddel Vieira Lima, candidato derrotado na corrida pelo Senado no último dia 5. Um pé do democrata foi plantado no PMDB ano passado: um dos braços direitos de ACM Neto, Bruno Reis, foi candidato pelo partido a deputado estadual. Até o último domingo (26), ACM Neto apostou as fichas na vitória de Aécio Neves (PSDB) na tentativa de chegar ao Palácio do Planalto. Com a confirmação da reeleição de Dilma Rousseff (PT), o prefeito da capital baiana tenta se reaproximar do governo federal, movimento que chegou a ser ensaiado em 2013 e descartado após o acirramento da campanha eleitoral. O próprio ACM Neto deu indícios de descontentamento com os rumos do DEM. Antes da eleição, o prefeito sugeriu que o partido poderia se fundir com outro para criar uma estrutura mais forte na Câmara Federal. O presidente nacional do DEM, Agripino Maia, desconversou, mas o chefe do Executivo soteropolitano não recuou sobre a afirmação. ACM Neto, além de conseguir a almejada proximidade com o governo federal, levaria também um número considerável de apoiadores, que ampliariam – mesmo que temporariamente – a base de Dilma. O PMDB, com apoio de eventuais emigrantes do DEM, conseguiria então um número de deputados maior que o PT e não precisaria de maiores desgastes para controlar a Câmara.


Bahia Notícias- RICARDO LUZBEL E FERNANDO DUARTE


Últimas Notícias

Edições Anteriores

MARÇO-2020

O POPULAR