O que você está procurando?

Todos os anúncios

Total de Ofertas

30

POLÍCIA PRENDE HOMEM QUE PLANEJAVA ATAQUES EM BRASÍLIA

Policial

Domingo, 25 de Dezembro de 2022

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu na noite deste sábado (24) um homem suspeito de montar um suposto artefato explosivo nos arredores do aeroporto de Brasília, em um caminhão de combustível. 


Segundo informado pela Polícia Civil, o homem é um empresário de 54 anos do Pará, que viajou a Brasília para participar das manifestações em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL).


Ele foi localizado e preso em um apartamento em Sudoeste, na região central do Distrito Federal, e confessou que tinha intenção de explodir o artefato no aeroporto.


De acordo com a polícia, depois de montar o artefato, o suspeito entregou o objeto para uma outra pessoa - já identificada pelos investigadores - que ficou responsável em levar o dispositivo até a região do Aeroporto JK.


Segundo a investigação, a ideia inicial dos criminosos era que o explosivo fosse depositado próximo a um poste de energia, para prejudicar a distribuição de energia da cidade. Mas, de última hora, a decisão acabou sendo por colocar o objeto em uma caixa apoiada no caminhão de combustível, que estava carregado de querosene de aviação.


Com o suspeito, foi apreendido um arsenal com pelo menos duas espingardas, um fuzil, dois revólveres, três pistolas, centenas de munições e uniformes camuflados. No apartamento, foram encontradas outras cinco emulsões explosivas.


De acordo com a polícia, o homem tinha registro como Colecionador, Atirador Desportivo e Caçador (CAC), mas o documento estava em situação irregular e por isso ele foi autuado por posse e porte ilegal de armas, munições e explosivos, além de ter sido processado por crime contra o estado democrático de direito. Outras pessoas também estão envolvidas no crime e a polícia já trabalha para localizá-las.


O futuro ministro da Justiça, Flávio Dino, parabenizou a polícia pela operação. 


Fonte: G1





Últimas Notícias

Edições Anteriores

JANEIRO

O POPULAR